quarta-feira, 20 de maio de 2015

Charge on Line





Inês Brasil e o vídeo viral




Cantora Inês Brasil afirma que daqui pra frente só fará sexo se o parceiro não estiver segurando celular...

Então não vai dar pra mais ninguém...

Eu - e o resto do mundo inteiro - só faz sexo atualizando o face e checando o zap...

Não exatamente nesta ordem...



Jorge Schweitzer






PS: Agora, tem que dar parabéns para o corajoso do vídeo... Sinceramente, não há o que cantar marra...






A cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio





Alemão do edifício Canoas em São Conrado está com cortes pelo corpo que podem ser facadas...

Investigações apontam também para assalto ou tentativa de suicídio...

No Brasil 25 suicídios por dia, mais de 1 a cada hora...

800 mil por ano no mundo inteiro...

A cada 40 segundos uma pessoa se mata...

A maioria dos casos são doentes mentais que não procuraram ajuda tratável por absurdo preconceito...

Agora, jogar avião contra os Alpes ou explodir um prédio dá vontade de matar o imbecil se ele escapar ileso...

Quer ir vá sozinho...

Tanto trem para se jogar em frente, chumbinho em barraquinha da Central...

O que não falta é opção...



Jorge Schweitzer



O taxista Cyrano de Bergerac





Têm mulheres que me procuram no zap...

'Poxa você eh legal, escreve bacana na Rede; engraçado; sedutor, rsrsrs, maravilhoso; quem eh você?'...

Envio foto atualizado informando que taxista..

Não retorna mais..

Pronto, acabo de perder mais uma futura ex-amada...

Sou irrecuperável Cyrano de Bergerac...



Jorge Schweitzer




Inês Brasil, quem?





Não sei quem e' Inês Brasil, agora vou saber...

Pensei se tratar atriz de filme alternativo ou filha do Jefferson...

Parece que cantora e com problemas de visão...

Conheceu um rapaz, levou para seu quarto de hotel e não percebeu que ele segurava o tempo todo um celular filmando a cena...

Deveria procurar o Ibol na Praia de Botafogo...

Aceita convênio...



Jorge Schweitzer




Este Cara não sou eu...





Amiga, não exagera, 'O Cara' e' o Roberto Carlos que liga esquizofrênico de madrugada, o tempo todo sem parar...

Eu sou o taxista Caronte que transporta viventes com uma moeda debaixo da língua...

Quando muito sou apenas e tão somente o quase sexagenário cozinheiro Casey no Missouri se equilibrando em sua ereta bengala...

Por favor...


Jorge Schweitzer


O Sorvete e a Rosa




Preta Gil permanece postando compulsiva cada instante de sua lua de mel aparecendo seu esposo ao canto jogando video game...

E o G1 reproduz...

Possível que Preta queira provar para alguém especificamente que ela odeia que está feliz só para fazer raivinha...

Ser feliz ou infeliz não cabe compartilhar a menos apenas para massagear ego oco...

Preta Gil parece ser pessoa do bem porém parece pretender ciumeira alheia que ninguém sente...

Todo este carnavalesco casamento deixou rastilho de suspeitas que a construção de seu João/José entre o sorvete e a rosa poderá ferir seu coração assim que cerrar a feira das vaidades explicitas...

E acabar a verba d'O Gil, o Musical Rouanet...




Jorge Schweitzer

Preta Gil pretende engravidar entre Abu Dai e Maldivas





Deu no G1:

Sandy jura que faz maquiagem sozinha desde 8 anos de idade e Preta Gil espera engravidar em Abu Dai...

Chaves deve estar a cambalhotas na tumba:

Melhor morrer do que perder a vida para não escutar uma coisa dessas vivo...



Jorge Schweitzer



PS: Agora, engraçado que eles estão em praia  tão paradisíaca e até agora ela ainda não tirou foto de biquini...







Preta Gil, O Musical





Casamento da Preta Gil com seu pessoal treinador teria custado 2 milhões de reais e a viagem de lua de mel 100 mil dólares...

Como nesses eventos o pai da noiva banca o mimo e Gilberto Gil jura que ela não possui esta grana toda, algo nos deixa confortáveis a devanear que os 6,5 milhões autorizados pelo Ministério da Cultura para a peca Gilberto Gil, O Musical tenham algo a ver com gastança por conta paga com nossos impostos tungados nos descaminhos da Lei Roaunet...

O tal musical tem obrigação de seis meses de 2015 em apresentação em SP e o resto no RJ...

Parece que...

A do RJ já foi na Igreja do Carmo com direito esticada em Abu Dai...

Eta paizão...

Tomara que o casamentão por nós bancado dure uns seis meses para não enfiarmos o Rodrigo Godoy na Justiça por estelionato...



Jorge Schweitzer



sexta-feira, 15 de maio de 2015

Aviso aos Navegantes





Estou sem tempo para postar por aqui...

Mas, estou no Facebook atualizando direto e minha página é pública...

Porém, se enviarem convite adiciono...

E, quem está adicionado como 'amigo' não aparece sua identificação na entrada da página...

Quer dizer, vira meu amigo secreto/oculto...

Com direito a me enviar presente no final do ano...



Jorge Schweitzer



https://www.facebook.com/jorge.schweitzer.1






quarta-feira, 13 de maio de 2015

Fernandinho Beira Mar responde Juri Popular pela morte de Uê e mais quatro traficantes em 2002, Bangu1, RJ












Marcelo Elizardo e Daniel Silveira
G1


Acusado de ter liderado uma guerra de facções, em 2002, dentro do presídio de segurança máxima Bangu I, no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, disse durante julgamento no Fórum do Rio, nesta quarta-feira (13), que é inocente neste processo. O réu afirmou que não ordenou as quatro mortes de traficantes rivais, ocorridas durante a rebelião.

“Eu cometi vários crimes. Nesse, eu sou inocente”, defendeu-se.

Segundo a acusação, Beira-Mar teria conseguido abrir caminho dentro do presídio para invadir a ala. O réu negou e disse que ouviu a confusão de longe e foi chamado depois pelos agentes penitenciários para "negociar" a paz dentro da cadeia, por ser considerado "tranquilo".


Ainda segundo o réu, ele ficava na ala A, junto com uma facção que também era distribuída pela ala C, de onde teria partido o ataque executado por 20 criminosos. Os quatro mortos, incluindo o traficante Ernaldo Pinto de Medeiros, o Uê, eram da segunda quadrilha, situada na ala D.

"O problema era entre as galerias C e D. Ouvimos tiros e pensamos que era fuga. Sabíamos que tinham tomado a cadeia. Nisso, todos correram. Só entrei na galeria depois do fato. Os inspetores chegaram a me pedir ajuda porque sabiam que eu era um cara tranquilo. Nem cheguei a entrar e o Celsinho [da Vila Vintém] já estava saindo [da galeria]", contou.


Testemunha é ex-rival

Celso Luiz Rodrigues, o Celsinho, então traficante de uma facção dissidente à de Beira-Mar, foi interrogado como testemunha de defesa, antes de o réu ser chamado. Ao júri, disse que tentou se proteger do ataque dos presos e que o Beira-Mar não estava junto. Ao ser encontrado, ouviu de traficantes rivais que não seria assassinado.
Segurança máxima é brincadeira, né?"

Além de Uê, foram mortos na rebelião Carlos Alberto da Costa, o Robertinho do Adeus; Wanderlei Soares, o Orelha, e Elpídio Rodrigues Sabino, o Pidi.

Celsinho ironizou a qualidade da penitenciária durante uma das perguntas, em que Bangu 1 foi citado como "presídio de segurança máxima". "Segurança máxima é brincadeira, né?”, debochou, provocando risos.

Traficante 'autônomo'

Beira-Mar, que sempre foi apontado como líder da facção que comandou a rebelião, afirmou ao júri não pertencer a facção alguma. No depoimento, disse que era "autônomo" e que vendia drogas para várias quadrilhas, inclusive para a que foi atacada.
Sempre que a promotoria enfatizava que ele orquestrou a rebelião, ele balançava a cabeça negativamente de forma enfática. Com semblante sempre compenetrado, ele acompanhou atentamente cada fala da acusação. Por vezes, consultou o código penal, para conferir artigos citados pela acusação.
Júri de 5 mulheres e 2 homens
Já condenado a cerca de 200 anos de prisão por crimes diversos, o traficante voltou ao banco dos réus nesta quarta para enfrentar o júri popular composto por cinco mulheres e dois homens.
A sessão começou com mais de duas horas de atraso, às 15h20, devido à ausência de uma das testemunhas de defesa, que acabou dispensada. Outras oito testemunhas, todas de acusação, foram dispensadas pelo Ministério Público.

Por volta das 13h, horário previsto para o início da sessão, houve tumulto devido ao grande número de pessoas que desejava entrar no tribunal. Estagiários de direito, advogados, jornalistas e parentes do réu – para os quais Beira-Mar mandou beijos – estavam entre os que queriam acompanhar o julgamento (veja no vídeo acima).

Segurança custou R$ 120 mil

O traficante chegou ao Fórum ainda pela manhã, às 10h15, de helicóptero. Por motivos de segurança, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e as polícias Federal e Militar não divulgaram o efetivo usado no esquema, que custou R$ 120 mil.
Em nota, o Depen informou que "não se pronuncia sobre questões referentes a operações antes do término da missão". Dentro do tribunal ficaram dois PMs e cinco agentes do Depen.

Na abertura da sessão, foram sorteados sete entre 25 jurados. Não podem participar do mesmo conselho de sentença marido e mulher, ascendentes e descendentes, sogro e sogra, genro e nora, cunhados, tio e sobrinho, padrasto, madrasta e enteado, bem como o jurado que for parente até 3º grau do juiz, do representante do Ministério Público e do defensor público. O MP teve direito a três recusas no sorteio de jurados.

Terminadas as formalidades para início do julgamento, foi lido o relatório do processo e, em seguida, começou a inquirição das testemunhas de acusação e de defesa. Logo depois, o réu foi interrogado. No início da noite, foi iniciado o debate entre acusação e defesa.

Uma das assistentes de acusação do MP, Fabíola Leite, comentou sobre a ausência de quatro agentes do Degase que acabaram dispensados. Segundo a denúncia, eles teriam recebido R$ 400 mil para que as armas entrassem no presídio antes da rebelião, mas testemunhar contra Beira-Mar seria como assinar uma pena de morte.
Seria surpreendente que aqui [tribunal] tivesse uma testemunha que depusesse contra ele [Beira-Mar]. Isso seria suicídio"

Defensor e promotor têm, cada um, uma hora e meia para apresentar suas teses aos jurados. Depois, cada um tem mais uma hora para réplica e tréplica.
Após o debate, os jurados são levados para uma sala secreta para dar os votos para cada um dos quesitos que são apresentados pelo juiz, com aprovação de defesa e acusação.

Com o resultado da votação dos jurados, o magistrado irá realizar a dosimetria (o cálculo) da pena, caso o júri condene o réu, e fará a leitura da sentença em plenário.
Quase 200 anos de condenação

A última vez em que Beira-Mar se viu diante de um júri popular foi em 2013, quando foi condenado a 80 anos de prisão pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio.
De acordo com o Tribunal de Justiça, só no Rio de Janeiro Beira-Mar já tinha tem nove condenações em execução antes do júri desta quarta, somando 133 anos e 6 meses de prisão. Há ainda outros processos em andamento, inclusive na Justiça Federal, por lavagem de dinheiro, contrabando e associação para o tráfico internacional de drogas.

O traficante possui ainda condenações em outros estados, como no Paraná, com 29 anos e 8 meses, no Mato Grosso, com 15 anos, e em Minas Gerais, 11 anos. Com isso, a pena total, em todo o país chega a 189 anos e 2 meses.

O traficante está preso desde 2002. Ele passou pelo presídio de Catanduvas, no Paraná e, desde 2012, está em um presídio federal em Porto Velho (RO), de onde foi trazido ao Rio para o júri desta quarta.


PS: Este episódio foi curioso porque as armas inicialmente foram negociadas para serem entregues ao Uê para matar o Beira-Mar que descobriu o plano e ofereceu o dobro do valor pelo armamento... Deu no que deu... JS



terça-feira, 12 de maio de 2015

Táxi em Movimento novamente retornou com vídeos






PS: Estou voltando a postar vídeos; muita gente me escreve pedindo que eu não fique muito tempo sem filmar por aí e mostrar na Rede... É que troquei de celular  e como tinha um Nokia  e tive que trocar por Smart em função do zap... Demorei a me adaptar ao novo aparelho, mas estou de volta... Vou tentar manter uma regularidade... Estou igualmente tentando fazer vídeos curtos e postar da rua direto no Facebook através do celular... Sugiro que vez por outra entrem em meu Facebook para acharem novidade em razão que estes vídeos curtos não estarão disponibilizados no Youtube... Engraçado que tem gente que gosta mais dos meus vídeos do que de mim...  Pô, fiquei chateado... JS




Jorge Schweitzer está no Facebook







É público e não dói nada-nada...

Estou me ajustando e pretendo postar o dia inteiro...


JS




Fotos: Ônibus invade Praça Paris, Glória RJ



Fotos: Visita da presidenta Dilma nesta terça (12/5/15) no RJ




PS: Na boa, depois do regime a presidenta Dilma está um caco; necessita de um botox; uma repaginada; sei lá?!... Deveria pegar informações com o Renan que tá tão esticado que a gente nem sabe mais quando ele está sorrindo ou de cara amarrada... JS





Fachin e a fábula do Renan






Mantenho severas dúvidas quando o Judiciário brasileiro irá realmente representar anseios da nossa sociedade com independência e lisura...

Ontem a presidenta Dilma levou o Renan de carona no AeroLula para um velório para no caminho implorar que Fachin seja sabatinado com frouxeza pelo parlamento aprovando incipiente insipiência pretérita imperfeita  para conduzir seu notório saber ao futuro mais que perfeito do PT..

Na boa, com todo devido respeito...

Um cidadão do sub porte de um Renan Calheiros ser adulado pela maior autoridade desta pobre pátria e' de uma falta de firmeza que comprova que perdeu-se as rédeas, o freio e o resto todo dos arreios de condução dos interesses da carroça da  Viúva...

Renan e' um nada que percebeu que pode atravancar a Pátria e está feliz da vida batendo seu falso cabelo tal um travesti que nas sombras faz trottoir pelas galerias espúrias do Congresso e na claridade e' dublê de manicure e pedicure ameaçando tirar bifes da cutícula da sua fiel cliente presidenta...

Renan lembra aquela fábula onde todos os órgãos do corpo humano se reúnem para eleger quem comandaria o organismo dali pra frente e o coração estropiado acabou empossado, ficando como vice o pulmão viciado...

Até que o ânus se rebelou contrariado...

Depois de uma semana se negando evacuar o sistema inteiro já quase em falência múltipla teve que recuar e o ânus foi empossado só para finalmente voltar a defecar...

Renan é tal o próprio citado redondo: insignificante, fétido, infectante mas letal se apertar  sua rosca..

Já Dilma lembra o jabuti no poste...



Jorge Schweitzer


Casamento da Preta Gil na Igreja do Carmo pára Centro do RJ








Casamento da Preta Gil no centro do RJ, travou geral... 

Esta cantora/atriz e compulsiva frequentadora do Esquenta já pode bater nos peitos e se vangloriar que parou o trânsito...

Vem cá, esta cidadã está casando em igreja católica mas ela não é macumbeira?

Agora o noivo, este com certeza, é personal trainer mas se ele não der jeito na esposa ela pode enfiá-lo na Justiça como fez com o Pânico... 

E não adianta ele ficar ameaçando enfiar a porrada em quem a chama de - digamos assim - acima do peso... 

Porrada nos outros não fará a Preta Gil emagrecer... 

Quanto mais ele bater nos outros é capaz até dela comer mais ainda de nervosa...

Vai por mim...

Pelas fotos acima da entrada da Preta Gil na igreja do Carmo acho mesmo que a função de personal do cidadão deve ser questionada e ver certinho se ele possui cadastro Confef...

Porém, foto deixa a gente mais arredondado como a Preta acima; dizem até mesmo que foto engorda; em razão disto até parei de comer foto...

E, pelo sim, pelo não; casamento não dura nada mesmo e acho uma perda de energia esta movimentação toda atrapalhando o sagrado direito de voltar pra casa de todas pessoas do Rio de Janeiro depois de um dia de labuta...

Bem que a Preta Gil e troupe poderiam ter nos feito o favor de casar no sábado só para não encher nosso sacrossanto saco...


Jorge Schweitzer